Juris Poiesis - Qualis B1, Vol. 24, No 36 (2021)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

INTEGRAÇÃO REGIONAL E PROMOÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS: UMA ANÁLISE DO DIREITO À SAÚDE NO ÂMBITO DA UNIÃO EUROPEIA E MERCOSUL

Rosa Júlia Plá Coelho, Pedro Bruno Carneiro Martins

Resumo


O presente trabalho tem por escopo analisar o acesso ao direito fundamental à saúde no Mercosul em paralelo ao tratamento destinado pela União Europeia ao tema, sendo a pesquisa orientada para responder ao seguinte questionamento: é possível verificar alguma contribuição à consolidação do direito à saúde a partir dos processos de integração regional analisados? Para tanto, primeiramente, impende compreender-se o conjunto de atributos que melhor definem o Mercosul e a União Europeia. Em seguida, aborda-se o tratamento do direito à saúde dispensado nos dois projetos de integração. O dever de resguardo aos direitos humanos, nele encartado a preservação da saúde das populações dos Estados-Membros, é pedra angular para a sustentabilidade política dos processos de integração regional, o que necessita da efetiva promoção de políticas em saúde nacionais. A pesquisa é bibliográfica e documental e de natureza qualitativa. Por fim, este trabalho demonstra a profunda necessidade de equilíbrio entre os objetivos econômicos e a preservação dos direitos sociais, o que certamente marca o sucesso da integração europeia e deixa claro o déficit social do projeto Mercosulino.


Texto Completo: PDF

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 

Mestrado e Doutorado em Direito - UNESA

Av. Presidente Vargas, 642 - 22o andar. Centro

Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20071- 001

Tel. 21-22069743