Juris Poiesis, Vol. 20, No 23 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Representatividade e liderança feminina nas grandes corporações: uma leitura sob a perspectiva dos movimentos sociais

Dirceu Pereira Siqueira, Bruna Furini Lazaretti

Resumo


Apesar dos grandes avanços conquistados pelos movimentos sociais no decorrer da história, em especial pelos movimentos feministas, a sociedade contemporânea ainda se encontra permeada por desigualdades de gêneros. Nesse sentido, verifica-se que as mulheres ainda são minoria no mercado de trabalho e, especialmente, em cargos de liderança dentro das grandes corporações, sendo que, infelizmente, essa é uma realidade visualizada não apenas no Brasil, mas dentro de um cenário mundial. Faz-se necessário, portanto, analisar o referido problema através de uma perspectiva histórica das construções sociais enraizadas na sociedade, da inserção da mulher no mercado de trabalho e da grande contribuição dos movimentos feministas para este acontecimento, a fim de que se possa chegar a uma conclusão crítica sobre o tema, buscando alternativas à (ainda) contemporânea falta de diversidade de gênero dentro das grandes empresas.


Texto Completo: PDF

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.