Juris Poiesis - Qualis B1, Vol. 22, No 30 (2019)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

A (In) Compatibilidade do Princípio da Capacidade Contributiva com as Taxas

Jadson Correia Oliveira, Leonardo Máximo Barbos, Ivan Luiz da Silva

Resumo


O presente artigo tem por objetivo analisar a compatibilidade do princípio da capacidade contributiva previsto pela Constituição Federal com as taxas. Estabelecendo a diferença entre texto legal e norma jurídica, defende que o fato de o art. 145, § 1º, do texto constitucional, somente prever expressamente a aplicação do princípio da capacidade contributiva aos impostos, não impossibilita sua aplicação às taxas. Defende que os critérios materiais de justiça positivados pelo poder constituinte em 1988 impõem a necessidade de realização de justiça fiscal, o que passa necessariamente pela observância da capacidade contributiva. São abordados os entendimentos doutrinários sobre a matéria, bem como a posição do Supremo Tribunal Federal. Por fim, enfatiza que a aplicação do princípio pelo legislador, na instituição das taxas, deve observar as peculiaridades próprias da espécie tributária.


Texto Completo: PDF

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 

Mestrado e Doutorado em Direito - UNESA

Av. Presidente Vargas, 642 - 22o andar. Centro

Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20071- 001

Tel. 21-22069743