Revista Multidisciplinar Pey Këyo Científico - ISSN 2525-8508, Vol. 5, No 1 (2019)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

DESINFESTAÇÃO DE SEMENTES DE MYRCIARIA DUBIA (KUNTH) MCVAUGH PARA OBTENÇÃO DE PROTOCOLO DE ESTABELECIMENTO IN VITRO

Marcela Liege da Silva dos Santos, Carlos Henrique Gonçalves dos Santos

Resumo


O camu-camu é uma fruta que possui elevado conteúdo de ácido ascórbico e vem se destacando na produção de concentrados e suplementos naturais. Devido a essa importância, a domesticação do camu-camu vem sendo estudada há alguns anos e o cultivo in vitro tem sido importante no processo de clonagem de materiais selecionados. Neste contexto, objetivou-se com o presente trabalho desenvolver procedimentos de desinfestação de sementes de camu-camu para seu estabelecimento in vitro. Avaliou-se a aplicação de fungicida, formol e hipoclorito de sódio em diferentes tempos de imersão na desinfestação de sementes. Verificou-se que a utilização de fungicida combinado com formol e hipoclorito foi eficiente na desinfestação de sementes de camu-camu, sendo que os melhores resultados foram obtidos quando as sementes foram imersas por 3 horas em fungicida, seguida por 3 horas de imersão em formol e posteriormente, por mais 25 minutos em hipoclorito. O uso de fungicida por 6 horas, seguida de hipoclorito por mais 25 minutos, sem adição de formol, também pode ser utilizado na assepsia das sementes de camu-camu.  Os produtos utilizados na desinfestação das sementes não foram prejudiciais no processo de germinação.

Texto Completo: PDF