Puçá: Revista de Comunicação e Cultura na Amazônia, Vol. 4, No 2 (2018)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

TRADIÇÃO E MODERNIDADE: FESTIVAL DA CULTURA IRITUIENSE E SUAS ESTRATÉGIAS DE MARKETING

Francinéia dos Santos Oliveira, Jamille Daandra Gomes da Costa, Hellen Maria Cardozo Monarcha

Resumo


O Festival da Cultura Irituiense é realizado há cerca de 34 de anos, sua primeira edição ocorreu em 1984, desde sua criação o festival tem se ampliado, e a cada ano, vem sendo um sucesso de público o que traz à cidade inúmeros benefícios, entre eles o turismo que movimenta a economia local. O objetivo do presente artigo foi analisar a relação comunicacional do festival da cultura Irituiense com a comunidade e sua relação entre a tradição, modernidade e suas estratégias de marketing. Como metodologia utilizou-se a pesquisa bibliográfica, para entender a evolução histórica e cultural do festival. Realizou-se uma análise dos eventos culturais baseando-se na teoria comunicacional, e foi realizada uma análise de como o FECUIRI foi feito até aqui, com um diagnóstico de como foi feita a comunicação e debater as diretrizes comunicacionais do Festival da Cultura Popular de Irituia. Para obtenção de dados foi realizada entrevistas semiestruturadas com personagens que estão ligados com a fundação e a realização do festival. Ao longo da pesquisa chegamos a conclusão, que o festival mantém alguns traços do passado, mas é visível a mutabilidade cultural presente no evento.


Texto Completo: Artigo completo

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Puçá: Revista de Comunicação e Cultura na Amazônia.

ISSN 2526-4729

Faculdade Estácio do Pará (Estácio FAP)

Rua Municipalidade, 839 - Umarizal Belém – PA CEP: 66050-350

Tel: (91) 3198-1300

E-mail: revistapuca@gmail.com