Revista Educação e Cultura Contemporânea, Vol. 15, No 39 (2018)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Por uma Educação que inclua a cegueira física e transcenda a cegueira epistemológica: a experiência do jogo da capoeira

Albert Cordeiro, Nazaré Cristina Carvalho

Resumo


O artigo sintetiza a dissertação de mestrado desenvolvida no âmbito do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Estado do Pará e apresenta a experiência de trabalho de um Contra-Mestre de Capoeira que, em um espaço de atendimento especializado, em Belém do Pará ensina o jogo da Capoeira para pessoas cegas e com baixa visão. A pesquisa se ancorou em uma abordagem Qualitativa, em um Estudo de Caso que contou com o uso de Entrevista e Observação como instrumentos de coleta de dados, buscou-se compreender como as práticas educacionais desenvolvidas no ensino da Capoeira são capazes de incluir pessoas cegas e com baixa visão. Percebeu-se que o jogo da capoeira promoveu uma exitosa ação inclusiva, onde o respeito às diferenças, a adoção de estratégias diferenciadas para que as práticas pedagógicas pudessem atender aos diversos ritmos e modos de aprendizagem, foram atitudes marcantes nas práticas educacionais. O jogo da capoeira é uma produção cultural oriunda da resistência negra à escravização europeia, onde o paradigma da modernidade científica se traduziu em violência física e epistemológica sobre os povos africanos e americanos. Esta mesma modernidade e suas referências de “normalidade” foram responsáveis pelos processos de exclusão que as pessoas com deficiência foram submetidas. Desta forma, processos inclusivos oportunizados pelo jogo da Capoeira são uma ruptura instaurada pelos grupos marginalizados e invisibilizados pela cegueira epistemológica da modernidade.

Texto Completo: Texto completo

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.


Revista Educação e Cultura Contemporânea 2004-2019 | Universidade Estácio de Sá
ISSN online: 2238-1279

A REEDUC encontra-se indexada nas seguintes plataformas:
DOAJ PKP Google Acadêmico Periódicos CAPES
Educ@ Latindex BEE Clase UAM Livre Livre