Revista Educação e Cultura Contemporânea, Vol. 3, No 5 (2006)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Sociedade civil e as políticas de educação de jovens e adultos: a atuação das ONGs no Rio de Janeiro

Neise Deluiz, Wânia Gonzalez, Victor Novicki

Resumo


Este estudo investiga a participação das organizações não-governamentais no campo educacional e as concepções de Educação que orientam suas propostas de intervenção nas políticas educacionais de jovens e adultos. Apresenta resultados de pesquisa qualitativa sobre a atuação das ONGs no Programa Trabalhar e Aprender: Qualificação para a Cidadania, da Secretaria de Estado do Trabalho do Rio de Janeiro (SETRAB), que operacionalizou o PLANFOR/MTE, nos anos de 2001 e 2002. Os resultados destacam a resistência das ONGs às propostas educacionais acadêmicas, seu desconhecimento da discussão atual sobre a relação trabalho e educação e a desconsideração sobre o debate crítico no que se refere à formação de jovens e adultos trabalhadores. No tocante às finalidades da educação, observa-se um discurso educacional ambíguo oscilando entre propostas educacionais produtivistas e civil-democráticas.
Palavras-chave: Política Educacional. Educação de Jovens e Adultos. Organizações não-governamentais.

Texto Completo: Texto Completo

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.


Revista Educação e Cultura Contemporânea 2004-2019 | Universidade Estácio de Sá
ISSN online: 2238-1279

A REEDUC encontra-se indexada nas seguintes plataformas:
DOAJ PKP Google Acadêmico Periódicos CAPES
Educ@ Latindex BEE Clase UAM Livre Livre